3 de agosto de 2016

POLÍCIA CIVIL DE ALÉM PARAÍBA PRENDE EM MENOS DE 24H, ASSALTANTES QUE AGIRAM EM POSTO DE COMBUSTÍVEL

DISTRIBUIDORES E REVENDEDORES - ACESSEM  www.refrigerantesmil.com.br
O Setor de investigação contra furtos e roubos da Delegacia de Polícia Civil de Além Paraíba, sob o comando do Delegado, Dr. Thiago Carvalho Couri (Delegado Titular), após ter o conhecimento de que duas funcionárias de um posto de combustíveis teriam sido alvo de assalto ás margens da BR-116 (estrada Além Paraíba a Leopoldina-MG), deu início a procura dos assaltantes. Por meio de contatos com as vítimas, os investigadores chegaram ao conhecimento dos quatro dígitos da placas do veiculo que os mesmos usaram no momento do assalto.
RELEMBRANDO O FATO.
As duas funcionárias do auto posto de combustíveis estavam ás margens da BR-116 na tarde do dia 26 de julho, próximo passado, com bolsas contendo cerca de 15 Mil Reais, para serem depositados em uma agência bancária no município de além paraíba (estariam em um ponto de ônibus, aguardando o coletivo). Quando dois homens em um veículo Corsa de cor prata, sendo que o carona desceu, usando uma capa preta de chuva, um capacete de motociclista e em punho uma arma de fogo prateada, anunciou o assalto e levou as bolsas contendo todo dinheiro.
De posse dos quatro dígitos das placas do carro usado no assalto e por meio de uma informação privilegiada de uma fonte, os investigadores chegaram até o proprietário do veiculo, A.C da S no bairro Esplanada. O mesmo confessou que teria participado do assalto. mas, somente teria conduzido o veiculo e apontou quem seria o comparsa. Ao dirigirem com o suspeito até a casa do apontado, encontraram na rua o segundo participante que usou a arma de fogo, C.L.V de S. Que recebeu voz de prisão. Ainda de acordo com o Boletim de Ocorrência, A.C. da S, confirmou a participação de Walas, vulgo “pastor” que já tinha passagem pela justiça por prática criminal. Disse também aos policiais que o gerente (“J.C.F da S”) do posto teria passado a movimentação diária do estabelecimento e com a parceria de Walas, executaram o plano de assaltar as duas funcionárias. Após o assalto, A.C da S falou que fugiram do local, C.L.de S, desceu do veiculo ás margens da Br-116 onde Walas estava de pose de uma moto de cor vermelha e ambos prosseguiram na fuga. Os policiais foram até uma oficina nas imediações do posto, encontraram o acusado Walas, assim como a moto e o capacete usado na ação. As margens da BR-116, local apontado por um dos autores, os policiais encontraram as duas bolsas sem a quantia roubada. 
Cerca de R$1.500 Reais foram recuperados e todos envolvidos responderão diante da justiça, acusados pelo crime  do artigo 157.
Participaram da ocorrência: 
Delegado Dr. Thiago Carvalho Couri, Daniel Alves, Tony Angelo, Jorge Adilson e o Policial Militar do DPO de Carmo-RJ, Sgt. Charles


2 comentários: