23 de junho de 2016

NOTA ZERO PARA SANTO ANTÔNIO DO AVENTUREIRO-MG EM TRANSPARÊNCIA NO USO DO DINHEIRO PÚBLICO, AFIRMA MPF.

DISTRIBUIDORES E REVENDEDORES - ACESSEM  www.refrigerantesmil.com.br
Foto - Facebook da Prefeitura Municipal de Santo Antônio do Aventureiro/MG
O Ministério Público Federal (MPF) divulgou no dia 08 de junho 2016, o resultado do Ranking da Transparência que avalia o quanto os municípios e estados brasileiros são transparentes no uso do dinheiro público e ações dos governos. A medição foi feita pelo Ministério Público Federal entre 11 de abril de 2015 e 25 de maio de 2016. Para isso, o MPF avaliou os portais mantidos na Internet pelas prefeituras de 5.567 municípios, 26 estados e o Distrito Federal. A avaliação levou em conta o cumprimento das leis da transparência e os itens considerados boas práticas. As notas foram de zero até dez.
A cidade de Santo Antônio do Aventureiro, localizada na Zona da Mata Mineira, mais uma vez tirou NOTA ZERO.
A Lei de transparência com o dinheiro público em Santo Antônio do Aventureiro não foi aprovada na Câmara de vereadores do município, forçando o autor da mesma a procurar o Ministério Público, assim foi instituída (12 de março de 2013), autoria do Vereador Sebastião Carlos Pires. Confira aqui. 
As cidades vizinhas de Além Paraíba (MG), o ranking ficou assim:
-Além Paraíba - Nota 9,0 - Posição 11
-Volta Grande - Nota 6,8 - Posição 123
 -Estrela Dalva - Nota 5,10 - Posição 322
-Pirapetinga - Nota 7 - Posição 98
- Senador Cortes - Nota 5,70 - Posição 243
-Argirita - Nota 6,60 - Posição 136
A cidades Mineiras que obtiveram NOTA DEZ foram:
AREADO - JUIZ DE FORA - RIO DOCE - SANTA BÁRBARA - SÃO DOMINGOS DO PRATA.
Foram avaliados portais de 5.567 municípios, 26 estados e o Distrito Federal. O Índice Nacional de Transparência subiu de 3,92, em 2015, para 5,21, em 2016. Estados e municípios que ainda descumprem as leis de transparência serão acionados judicialmente. Confira o balanço nacional no site - combateacorrupcao.mpf.mp.br
Reportagem Blog do Adenilson Mendes

Nenhum comentário:

Postar um comentário