22 de abril de 2014

HOMEM AGRIDE SARGENTO DA PM EM ALÉM PARAIBA-MG COM UMA FACA E RECEBE DOIS TIROS

"Um homem armado com uma faca invadiu um quartel da Polícia Militar de Além Paraíba, na Região da Zona da Mata, e agrediu um sargento nesta terça-feira. Os dois entraram em luta corporal e um soldado, para defender o colega de farda, atirou na perna do invasor. O policial foi preso por lesão corporal e Rogério César Santana, de 41 anos, por tentativa de homicídio.
  A situação inusitada aconteceu por volta das 11h30. De acordo com a PM, Rogério, que já é conhecido por ter problemas psicológicos, invadiu o quartel com uma faca nas mãos. “Ele entrou no local e foi direto até onde estava um sargento. O militar foi atingido na mão e na perna e entrou em luta corporal com o homem”, explica o capitão Aparecido Camilo da Silva, comandante da 52ª companhia.
  Ao ver a situação, um soldado tentou conter o invasor, mas não obteve êxito. “Ele, então, sacou uma arma e deu dois tiros em direção aos membros inferiores do homem, que acabou atingido com um disparo na perna”, afirma o capitão.
  O sargento e o invasor foram socorridos para um hospital da cidade pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). Os dois receberam atendimentos médicos e foram liberados.
Conforme o comandante, Rogério teve o flagrante ratificado pelo delegado de Além Paraíba por tentativa de homicídio. O soldado também foi preso. “Fizemos o auto de prisão em flagrante e mandado para a Justiça Militar de BH analisar o caso. Até que o juiz determine a soltura, ele fica preso no quartel”, diz Silva. A arma do policial foi apreendida. "

TEXTO DE: João Henrique do Vale
SITE: http://www.em.com.br

2 comentários:

  1. ONDE ANDA A LEGÍTIMA DEFESA???MIRIAN

    ResponderExcluir
  2. A JUSTIÇA DO BRASIL É VERGONHOSA. APOSTO QUE COM O LOUCO NAO VAI ACONTECER NADA. JA O POLICIAL QUE AGIU POR LEGITIMA DEFESA PORQUE ERA A UNICA FORMA DE CONTER O BANDIDO... COM CERTEZA TERA QUE ENFRENTAR UMA SERIE DE COISAS PODENDO ATE SER PREJUDICADO. VERDADEIRO ABSURDO.

    ResponderExcluir