13 de março de 2017

RÁDIO CULTURA DE PORTO NOVO AM DE ALÉM PARAÍBA COMPLETOU 68 ANOS DE EXISTÊNCIA NESTA SEGUNDA-FEIRA (13/3/2017)

A Rádio cultura de Porto Novo / 1460 Khz AM, completou no dia 13 de março de 2017, 68 anos de existência. A data não passou em branco, isso porque o Responsável pela emissora, o Radialista Manoel Américo Salles promoveu um singelo café da tarde para os seus funcionários, apoiadores e colaboradores. Estiveram presentes, a empresária Herciléia, acompanhada de sua irmã Ana Beatriz, o Diretor da Rádio Mix FM 102,7 Rogerio Lobo com sua equipe administrativa. Fazendo uso da palavra Édson schittino, Dauro Machado, fez lembranças de vários comunicadores que brilhantemente contribuíram para o sucesso da emissora como; Jorge Torres, Edel Ferreira Gomes, José Abel de Moarais (o lendário Paióça) e lógico, o inesquecível e professor Hélio Fazolato. A Jornalista e radialista Regiane Jordão, não se fez presente por motivos particulares. 
  Em agradecimento a Deus e como sentimento de gratidão á todos que diretamente o indiretamente "fazem a CPN" (Cultura de Porto Novo) foi realizada a Oração do Pai Nosso. 
Com Informações de Adenilson Mendes.
Abaixo, Texto do Jornalista Dauro Garcia Machado. 
  "Há 68 anos atrás, o empresário e visionário Waldir Villela Pedras inaugurava a ZYT8 - Rádio Porto Novo. A emissora foi uma das primeiras da região e sua inauguração foi motivo de festa na cidade. Na mesma noite aconteceu um grande baile com estrelas da Rádio Nacional, do Rio de Janeiro.
Ao longo de 68 anos de vida, a Rádio Cultura foi testemunha dos mais importantes acontecimentos na vida de Além Paraíba e protagonista em muitos deles. Vários Além-paraibanos ilustres foram proprietários da emissora, dentre eles além do próprio Waldir Villela Pedras, Dauro Schettino, Luiz Marota, Raul David Machado e o inesquecível Hélio Fazolato, que por mais de duas décadas comandou a emissora.
Com o falecimento de Hélio Fazolato e logo em seguida se sua filha Andréia, a emissora ficou sendo gerida pela família até há pouco mais de um ano foi adquirida pelo publicitário e radialista, Manoel Américo Salles.
"Cria" da casa, Manoel (foto) foi por anos locutor na emissora apresentando vários programas de grande liderança de audiência, inclusive o programa Debate que, de forma inovadora, usava dois estúdios em sua realização. 
O sonho de Waldir Villela Pedras, os ideais dele  e de seus sucessores continuaram vivos através dos vários proprietários da emissora e continuam hoje sendo preservados por Manoel Américo.
A Rádio Cultura continua sendo a grande tribuna da população que a usa para fazer suas queixas, denúncias, elogios e reclamações. O dia a dia de Além Paraíba passa pela emissora.
Localizada no centro da cidade, a Rádio Cultura consolida sua audiência a cada dia. Seus estúdios foram reformados por Manoel Américo que a transformou numa emissora moderna, com equipamentos de última geração, mesa de som digital, link homologado pela Anatel, sistema de transmissão externa e outras tecnologias que nunca antes a emissora possuia.
Entusiasmado, Manoel tem trabalhado diuturnamente para cumprir com os compromissos da emissora. Num futuro próximo a Rádio Cultura terá um carro de transmissão externa e até o final de 2018 deverá ser transformada em FM (Frequência Modulada) passando a transmitir em som estério.
Parabéns aos Diretores e locutores da Emissora pelos 68 anos de vida da hoje ZYL 201, Rádio Cultura - CPN - Central Regional da Informação".
Fonte: blogdojornalagazeta.blogspot.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário