23 de agosto de 2014

MENOR TENTA FURTAR EM UMA CASA, SÓ NÃO SABIA QUE ALI MORAVA UM PROFESSOR DE CAPOEIRA E SE DÁ MAL

Foto cedida por LL


Um menor infrator se deu mal ao tentar furtar a casa de um professor de Capoeira em Além Paraíba, o fato aconteceu na tarde da última sexta-feira (22/8) por volta das 17h na Av. 18 de Julho, Praça da Bandeira.
 O menor aproveitou que a dona da casa estava no terraço fazendo um churrasco, o filho na loja da Tia trabalhando e a casa que está em obras, os pedreiros já teriam saído. 
 O filho da dona da casa que é professor de capoeira e estava na loja da Tia quando foi alertado por um de seus alunos que o menor infrator de 16 anos, já conhecido no meio policial e que reside no bairro Vila Caxias estaria subindo as escadas da sua casa. O professor então o abordou tentando entrar na casa, quando começou uma perseguição na tentativa de pegar o menor, momento em que os dois deram de frente com uma viatura da Polícia Militar, os policiais abordou o professor que também é menor e tomou conhecimento do que se passava. A perseguição continuou, o menor empreendeu fuga nas imediações do Rio Paraíba do Sul saindo novamente no bairro praça da bandeira onde a viatura policial se encontrava. 
O menor foi apreendido e levado ao Quartel da Polícia Militar, foi lavrado um Boletim de Ocorrência onde a mãe do menor infrator se fez presente juntamente com um representante do Conselho tutela. Em contato com o professor de Capoeira (Grupo de Capoeira Regional Beira Mar) o mesmo relatou-me que ficou impressionado com a agilidade do larápio, disse ainda que os moradores do bairro estão mobilizados para alertar um ao outro em relação aos furtos que vem sofrendo.

4 comentários:

  1. A mãe se fez presente com o conselho tutelar e como estamos no Brasil o menor ja está soltinho por aí. #umavergonha

    ResponderExcluir
  2. Isso ai, é hora dos moradores implementar a REDE DE VIZINHOS PROTEGIDOS, onde todos tem o telefone dos vizinhos e estes estão sempre alerta quanto movimentação estranha, podem comprar um alarme que soa no poste e algo do tipo....

    ResponderExcluir
  3. Esses menores vagabundos estão por aí roubando e traficando como querem. Aí o pai coloca um menor pra trabalhar e vem o povo e diz que é contra a lei, vai ver se algum desses que praticam roubo fazem alguma coisa pra ajudar alguém

    ResponderExcluir
  4. Na reportagem diz que o menor infrator já é conhecido no meio policial. Daí se entende que não é a primeira vez que a mãe e o CT se faz presente. E então, fica por isso mesmo???

    ResponderExcluir