2 de junho de 2014

FATALIDADE ??? MOTORISTA CONTA COMO FOI O ACIDENTE QUE VITIMOU A JOVEM MELISSA


Fotos de Facebook / Reprodução

Após a constatação do falecimento da jovem Melissa Baião 22 anos ("Técnica em Enfermagem e trabalhava no Asilo Ana Carneiro em Além Paraíba-MG") em um acidente na noite de ontem (01/6) BR 116 estrada Teresópolis-RJ Além Paraiba por volta das 23h, muitas foram as versões do fato 
uma nota falando do ocorrido foi postada na página do Facebook de Ulysses Castro que estava ao volante do veiculo. Leia o relato abaixo.

"Gente tem muita historia sendo contada errada, quando sair o laudo todos irao ver a verdade. Vo explicar a voces , fui no rio visitar minha mae a Melissa Baiao quis ir comigo , pq chamei , e ela foi chegamos la fomos para chop nao teve churrasco nenhum e nem capotei com o carro, que estao inventando , fomos pro chop correr de cart , tenho ate o comprovante da prova do cart , na volta minha mae chamo para durmi la , mais como eu e melissa teriamos que trabalhar na segunda, por isso nao durmimos e voltamos la paras 9 e pouca da noite , paramos no mc donalds para fazer um lanche e seguimos viagem , chegando no Kilometro 45 no pico da serra do capim , passei por cima de animal que estava no local e ate morto , e perdi o controle do carro , no momento chovia muito , tentei concertar o carro pq o carro estava indo direto pro muro de pedras e consegui , so que nao consegui segurar o carro ate parar todo ele chicotio e paro no de lado na pista e o outro carro entro em cheio na porta da mellllll , mell eu nao to aki pra falar quem ta certo ou errado eu so queria que voce tivesse viva para a gente poder brincar igual bricavamos eramos super amigos sempre voce me acompanhava , nao tinha amizade melhor que a sua , eu guardei seu cordao , seu baton seu vestido que voce compro pra ir na festa e estou guardando todos os momentos que a minha amizade com vc proporcionou , MELL desculpa eu nao consegui te salvar , se eu podesse trocar de lugar com vc, voce era uma menina tao legal , ria atoa passamos tantos momentos legais e tristes que voce pra mim viro inesquecivel , mel quando eu ti vi no meu carro abraçada a mim na hora do acidente eu achei que voce tava viva , e comecei a te chamar , mais voce nao me respondia , foi muito cruel... desculpa melll eu sempre vo lembrar de voce ...
— com Melissa Baiao." 


O corpo de Melissa Baião foi velado na Igreja Batista em Renovação Espiritual, sede Jaqueira e o sepultamento aconteceu por volta das 14h  no cemitério de Jamapará - Sapucaia-RJ.
 
Print da postagem de Ulisses Castro

"Segundo informação de um parente próximo de Ulysses, ele se encontra desolado, reclama de dores em partes do corpo esta em casa e que o velocímetro do carro que dirigia travou em 70KM na hora do acidente."

Nenhum comentário:

Postar um comentário